Carregando

Espere um momento

ÁGUA LIMPA NA VERTENTE É PLANETA PRESERVADO.

Aprendi desde menino
Admirar a beleza,
E o reino da natureza,
Que por todos tem carinho.
Igual uma ave no ninho,
Deixando o ovo “xocado”.
Em meio ao mato “florado”
Com o Beija-Flor contente.
ÁGUA LIMPA NA VERTENTE,
É PLANETA PRESERVADO.
*
Quem agride a natureza
Altera o ciclo da vida,
Deixando-lhe enfraquecida
Tirando sua beleza.
E em troca só vem tristeza
Retribuindo o tirado.
Com furacão e tornado,
Matando muito inocente.
Água limpa na vertente
É PLANETA PRESERVADO.
*
O consumista opulento
Só quer saber de GASTAR,
Não sabe o que é preservar
E só constrói monumento.
Não tem outro pensamento,
E tem bens pra todo lado.
Não quer saber do coitado
Que do PÃO vive carente.
ÁGUA LIMPA NA VERTENTE,
É PLANETA PRESERVADO.
*
O homem é quem constrói
Machado para cortar,
Motor serra pra serrar
A madeira que destrói.
E é chamado de herói,
Pelo o serviço prestado.
E por não ser preservado
O “globo” fica doente.
ÁGUA LIMPA NA VERTENTE,
É PLANETA PRESERVADO.
*
Até a mata ciliar
Quase não existe mais,
Também os mananciais,
Começam assorear.
Se isso assim continuar,
Nada será preservado.
E o que resta do cerrado
Vai sumir completamente.
ÁGUA LIMPA NA VERTENTE,
É PLANETA PRESERVADO.
*
Para atender aos pedidos
Regidos por capital,
Desmatam o que é vital
Pra depois serem cedidos.
E ás vezes subtraídos
As custa de um bom trocado.
Transgênico ali é plantado
Poluindo o ambiente.
ÁGUA LIMPA NA VERTENTE,
É PLANETA PRESERVADO.
*
Animais em extinção
Cada vez aumentam mais,
Até nas zonas rurais
É grande a devastação.
Causando destruição,
E nada é preservado.
Deixando o solo acabado
Sem húmus, sem nutriente.
ÁGUA LIMPA NA VERTENTE,
É PLANETA PRESERVADO.
*
Pra poder sobreviver
Macaco vem pra cidade,
E “pede” por caridade
Uma banana pra comer.
Até Guará a gente ver
Que saiu do desmatado.
Do mato que foi queimado
Foge a Onça e a serpente.
ÁGUA LIMPA NA VERTENTE,
É PLANETA PRESERVADO.
*
Tem lixo dentro dos pântanos
Em todo canto da rua,
Não duvide até na lua
O lixo já causa danos.
Pois até nos oceanos,
O lixo é também jogado.
E ali fica confinado,
Deixando a fauna doente.
ÁGUA LIMPA NA VERTENTE,
É PLANETA PRESERVADO.
*
No lugar onde eu nasci
E brinquei quando criança,
Hoje só resta a lembrança
Da choupana onde vivi.
O nhambu e o Bem-Te-Vi
Quase é coisa do passado.
Fugiram do “chão queimado”,
Deixando a flora impotente,
Água limpa na vertente
É PLANETA PRESERVADO.
*
Tem “R” de reciclar
Tem “R” de reduzir,
Tem “R” de refletir
Para Reutilizar.
Tem “R” de repensar
E o “R” do resgatado.
Tem de Revitalizado,
“Pro Rio ser permanente”.
Água limpa na vertente
É PLANETA PRESERVADO..

Assis Coimbra.
WhatsApp : (11)9.4213. 7976

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *